10 de Novembro de 2008

De repente morrem-nos pessoas e nós descobrimos que não passámos com elas tanto tempo quanto desejaríamos. Adiamos sempre os tempos de afectividade e depois já é tarde de mais. É algo comum , eu sei, mas há sempre um ressentimento pelo tempo perdido..

Foste sempre um homem do coração tio "Manecas", até profissionalmente. Agora que o teu coração deixou de bater deixo-te um até sempre. Sabes que eu não sou muito de acreditar mas quem sabe, talvez nos torne-mos a encontrar um dia, nalgum lugar, nalgum tempo.

publicado por carlos lopes às 15:08

mais sobre mim

ver perfil

seguir perfil

4 seguidores
pesquisar
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Novembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11
12
13
14
15

16
17
18
19
22

23
24
25
26
27
29

30


arquivos
2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2007:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2006:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


blogs SAPO